Dicas

6 dicas profissionais de tranças para quem não sabe trançar

- Por Isabela Guedes
tranças

Dominar o ato de trançar os cabelos de forma digna de foto em Pinterest não é uma tarefa muito fácil. Se você já leu vários tutoriais no estilo “dicas simples de como fazer tranças”, saiba que você não está sozinha nessa.

Porém, a única maneira de superar as dificuldades na hora de fazer as tranças é praticando MUITO. Mas para te ajudar nessa empreitada, pesquisamos dicas de vários profissionais de penteados para que você consiga, ao menos, ter um norte e se aproximar da perfeição até quando for fazer as tranças mais complicadas.

1. Hora de repartir

tranças
Fonte: Unsplash

Quando se trata de repartir os cabelos para criar um estilo trançado, a dica dos especialistas é manter as técnicas que você já sabe. Em outras palavras, deixa o cabelo se repartir naturalmente.

Mas como se faz isso?

Bem… Para saber qual é a melhor maneira de repartir os cabelos para fazer uma trança, penteie todo ele para trás e deixe-o cair para o lado que ele sentir natural.

2. Não esqueça de adicionar textura

O próximo passo para criar qualquer tipo de trança é certificar-se de que o cabelo está preso de forma bem firme para que as mechas da trança não escapem e deslizem enquanto você for intercalá-las.

Os hairstylists recomendam preparar os cabelos com spray texturizante antes do penteado, para que a textura fique correta e firme o suficiente.

3. Pegue alguns atalhos

Não espere sair do 0 e chegar ao 100% na sua primeira tentativa de fazer tranças. Se você ama penteados mais complicados, como a Chrissy Teigen usou no Oscar deste ano, há uma maneira mais fácil de fingir o seu nível de conhecimento – e ainda assim atingir o look desejado.

Especialistas no penteado recomendam que você trabalhe com pequenas seções de cabelos e depois una todas em uma trança para, finalmente, fixá-la.

4. Quanto mais apertado, melhor

Assim como enrolar os cabelos, se você quer atingir uma trança perfeita, é melhor começar torcendo o cabelo em um trançado um pouco mais apertado para que ele não se desmanche no meio do caminho.

Quando um trançado folgado desmancha, o cabelo pode ficar muito bagunçado, mesmo se você quiser uma trança mais despenteada, isso não vai ficar legal. É melhor fazê-la um pouco mais apertada e depois, quando ela estiver finalizada, solte os trançados da maneira que preferir para dar aquele look mais “bagunçado”, mas ainda com cara de penteado.

Comece pelo couro cabeludo e vá trabalhando até o fim da trança. Se você deixar muito solta desde o começo, as chances é que você vai chegar ao fim do dia sem a trança que fez na cabeça.

Para evitar que a sua trança fique involuntariamente bagunçada, ou se você puxou muito cabelo na hora de dar uma descabelada elegante, os especialistas recomendam o uso de um creme para pentear leve e não muito oleoso para consertar os fios rebeldes.

5. Considere a trança úmida

tranças
Fonte: Unsplash

Se você ainda sente um pouco de dificuldade em fazer a clássica trança de três seções, usar o penteado com os cabelos molhados depois do banho pode ser uma opção fácil.

As tranças úmidas são muito mais fácil de serem seguradas e moldadas e os fios ficam mais firmes quando estão molhados, o que deixa o processo de trançado mais fácil.

As tranças úmidas são recomendadas durante o verão, ou se você quer um penteado bem apertado, para durar o dia inteiro, os fios úmidos também são uma boa escolha.

Trançar os fios molhados também evita que os fios saiam do lugar porque o penteado vai secar já na forma da trança.

Se mesmo assim você perceber alguns fios que escaparam, há maneiras fáceis de resolver o problema: usar alguns grampos discretos para segurar as partes do penteado, ou um spray texturizador para manter as seções firmes e no lugar.

6. A prática leva à perfeição também nas tranças

Algumas de nós temos dons e mais facilidade quando o assunto é trançado, mas a verdade é que a maioria de nós não vamos acertar o penteado nas primeiras tentativas.

Os especialistas aconselham as meninas que gostam desse estilo de cabelo a seguir mais o instinto no que estão fazendo do que se apoiar no que está sendo mostrado no espelho. As melhores tranças podem ser feitas de olhos fechados porque a pessoa sabe o que está fazendo, qual é o sentimento de estar fazendo o procedimento correto.

Apesar de, às vezes, ser necessário o uso do espelho, só para checar se está tudo bem no meio do caminho, geralmente a recomendação é seguir o instinto mesmo, principalmente porque o espelho pode distrair, confundir e não dar a dimensão real do penteado.

Podemos guardar cookies?

Para garantir a melhor experiência a você nós armazenamos Cookies em seu dispositivo, clicando em "Sim" você concorda com nossos Termos de uso e Políticas de privacidade

Sim
Gostaria de tirar dúvidas pelo Whatsapp?