Escolha uma Página

RAIZ OLEOSA E PONTA SECA. Quem vive o dilema do CABELO MISTO tende a ter trabalho dobrado na hora de equilibrar os dois extremos. Os fios ondulados, cacheados e crespos costumam ter essa característica, em função da própria estrutura encaracolada que apresentam. O manto hidrolipídico (hidratação natural) não alcança as pontas, concentrando-se na raiz.

Além disso, fatores genéticos, clima, excesso de químicas, água muito quente para o banho, USO FREQUENTE DE SECADORES, CHAPINHAS, entre outros contribuem para aumentar o problema. O tratamento na medida certa requer a adoção de alguns hábitos somada ao uso de produtos adequados. Quer saber quais são?

A COMEÇAR PELA LAVAGEM

cabelo misto
Fonte: Unsplash

A LAVAGEM DE UM COURO CABELUDO MUITO OLEOSO PRECISA SER FEITA COM XAMPUS NEUTROS OU ESPECÍFICOS para isso. A única precaução é não esfregar com as unhas, porque isso pode ferir o couro, principalmente quando ele já está irritado.

Utilize a ponta dos dedos e massageie a cabeça, deixando a espuma agir de 3 a 5 minutos.

O resto do cabelo deve ser compensado com um CONDICIONADOR OU CREME HIDRATANTE. Nada de deixar que ele chegue perto da raiz, hein? O foco da aplicação há de ser restrito às pontinhas, com enxágue rápido. Quanto à frequência, esta pode ser diária ou com o intervalo de um dia.

O EXCESSO DE ÓLEO PODE LEVAR AO DESENVOLVIMENTO DA CASPA e outros tipos de irritação. Para remover a camada de células mortas e estimular a renovação nessa região, o emprego de XAMPU ESFOLIANTE é bem-vindo.

Uma vez por semana ou a cada 15 dias no máximo. Tem que ter certo tipo de cuidado com ele. Senão, pode ocasionar mais sensibilidade, coceira, pinicamento e descamação.

LIVRE-SE DOS RESÍDUOS

Outro produto que costuma dar bastante resultado é o já conhecido XAMPU ANTIRRESÍDUO, que promove uma limpeza profunda. Assim como citado acima, o ideal é lavar com ele uma vez na semana. Caso contrário, pode provocar um efeito rebote e estimular mais as glândulas sebáceas a produzirem óleo.

CONTE COM O XAMPU A SECO

A opção que vem se tornando cada vez mais comum por aqui é ótima para momentos de emergência, já que ABSORVE A OLEOSIDADE, DANDO UM ASPECTO TEMPORÁRIO DE BRILHO E LIMPEZA. Na hora de borrifá-lo, deixe uma distância de alguns centímetros do couro para não acarretar em uma irritação também.

REPARAÇÃO TOTAL

cabelo misto
Fonte: Unsplash

Para as PONTAS DO CABELO, QUE FICAM MAIS SECAS E SUSCETÍVEIS À QUEBRA, ambos os profissionais indicam os reparadores.  Eles conseguem dar uma boa reintegração aos fios, principalmente àqueles expostos à química.

Um pouquinho espalhado na palma da mão já basta para garantir leveza e luminosidade. A reaplicação precisa ser feita a cada lavagem.

Para ter o controle do ressecamento é MANTER AS HIDRATAÇÕES SEMANAIS. MÁSCARAS CONCENTRADAS e com alto poder umectante são as ideais, assim como as ENRIQUECIDAS COM AMINOÁCIDOS, PROTEÍNAS E QUERATINAS.

Lembre-se, no entanto, de que marcar uns quatro, cinco dedos para baixo da raiz ao passá-las. Para o preparo em casa, segue uma receita bem fácil indicada por profissionais:

INGREDIENTES:

1 copo de iogurte natural
2 colheres de sopa de aveia em flocos

MODO DE PREPARO: 

Misture os ingredientes e aplique nos cabelos limpos e úmidos. Deixe agir por 15 minutos e enxague bem.

HORA DA TESOURA

O CORTE É MUITO IMPORTANTE PARA ELIMINAR AS PONTAS DUPLAS INDESEJADAS. Pelo menos a cada três meses uma visita ao salão é aconselhada – os cabelos mais ressecados possivelmente precisarão encarar as tesouras com maior periodicidade.

FIQUE DE OLHO NA SECAGEM

Aliada à oleosidade, uma das principais causas da dermatite seborreica é o fungo, que adora uma umidade. Dessa forma, DORMIR COM O CABELO PRESO OU MOLHADO é ambiente propício para piorar essa situação. O couro começa a dar mau cheiro, crosta, ficar vermelho…. Diante de qualquer sintoma do gênero, consulte um especialista para que seja prescrito o tratamento mais adequado.

× Como podemos te ajudar?
Pular para a barra de ferramentas