Escolha uma Página

O que é avarcas?

Ei, você já ouviu falar das avarcas? Se ainda não, é melhor se apressar para conhecer o calçado que promete ser a sensação desse ano. Sem salto, ultra mega confortável e, em várias lojas, barata, a avarca tem tudo para dominar no quesito “sapato para o dia a dia”. Promete até roubar o lugar das tradicionais sapatilhas e dividir espaço com as alpargatas.

O nome do calçado tem variações (também é conhecido como chiringuita) e por ser um modelo novo costuma deixar as pessoas confusas. Algumas mulheres podem achar a avarca um pouco estranha, já que ela tem um design bem diferente do convencional. Então afinal: O que é esse calçado? Trata-se de uma “mistura” entre sandália rasteirinha e alpargata, que tem a parte da frente fechada e a de trás aberta, apenas com uma tira que envolve o tornozelo.

Quando e como surgiu?

avarcas

O sapato começou a ser produzido nas ilhas espanholas e, originalmente, era confeccionado com couro natural – que é mais resistente do que o sintético. A sandália surgiu para proteger os pés dos trabalhadores rurais.

Por isso a sola era mais grossa e, muitas vezes, era usada com meias (por não cobrir completamente o pé). São considerados calçados práticos e, entre suas vantagens no passado, estava a produção flexível, com o material que estiver disponível, principalmente com restos de couro.

O modelo que está em alta no momento é a avarca menorquina (existem vários nomes, de acordo com a região, o design e os materiais utilizados). Surgiu na Isla de Menorca, uma região muito rochosa.

Foi nos anos 60 que deixou de ser apenas um sapato para usar no campo e passou a ser usado no veraneio. Mesmo com a alta mais recente na moda, continua sendo um calçado folclórico da região, e ainda é usado pelos trabalhadores do campo da região.

Agora que a moda saiu da Europa e chegou aqui no Brasil também, já é possível encontrar versões do sapato em diversos tecidos, padronagens, cores, texturas e estampas. As fashionistas de plantão já estão antenadas e já garantiram as delas. Estão aproveitando e assegurando a disseminação dessa tendência por aqui. E aí, está esperando o que pra comprar a sua?

Como usar as avarcas e ficar na moda 

Elas podem ser usadas como rasteirinhas ou alpargatas, afinal, parece muito uma mistura das duas, certo? Você pode apostar nos looks com roupas confeccionadas em tecidos leves, de verão, como vestidos, saias e macaquinhos. São ideais para uma reunião, casual, dia-a-dia, e até para um encontro com o namorado ou as amigas.

A versatilidade das avarcas faz com que a peça combine com diversos looks, independente do estilo da mulher. Para as modernas, a dica é apostar nas estampas chamativas como, por exemplo, animal print ou estampas com brilhos, apliques e paetês. Já as mulheres mais discretas podem usar estampas neutras ou calçados lisos, com apenas uma cor. As românticas podem abusar dos florais e das estampas minimalistas, que estão super em alta!

Ficou na dúvida se vale investir?

avarcas

E se (mesmo com as dicas) você ainda não tiver a certeza se vale a pena apostar em uma avarca para completar seu closet, preste atenção: De acordo com os especialistas em moda um dos pontos fortes da sandália é justamente ser um calçado democrático. 

Os profissionais explicam que o mix de rasteira com alpargata é uma característica que dá não só dá leveza aos pés como, também, requinte a quem o usa, indicando alguém que se mantém antenada com as novidades do mundo fashion, ou seja, uma mulher fashionista.

Portanto, se você gosta de seguir tendências, mesmo que de início torça o nariz para as avarcas, ao adquirir a primeira sua chance de se apaixonar por ela é de 99,9%. Afinal, existe coisa melhor do que unir estilo e conforto? 😀

× Como podemos te ajudar?
Pular para a barra de ferramentas