Escolha uma Página
Tiras à mostra: 10 dicas de como usar o Strappy Bra

Tiras à mostra: 10 dicas de como usar o Strappy Bra

Aquela velha história de esconder o sutiã, ou strappy bra por baixo da roupa está fora de moda! A tendência agora é usar e abusar dos sutiãs do modelo strappy bra, com tiras e desenhos geométricos nas regiões das costas e/ou do busto. As alças podem ter diferentes espessuras (grossas ou fininhas) e são elas que fazem a peça se tornar o ponto forte do look, quando se veste esse tipo de top.

Primeira dica: seja segura de si

Como o strappy bra é uma peça sensual e moderna, o primeiro passo para aquelas que desejam aderir à nova moda é se sentir segura com o look. Use o que faz você se sentir bem!

strappy bra

Segunda dica: ouse nas combinações

Existem diferentes formas de usar a peça: pode ficar todo à mostra, no estilo cropped (a combinação do top com uma saia longa de cintura alta fica perfeita!), com “regatões” que sejam cavados nas laterais (podem ser combinados com shorts e calças destroyed, formando um look mais street wear), por debaixo de vestidos e blusas com decote profundo (seja nas costas ou no busto), com peças que possuam transparências (como camisas informais), macaquinhos (que estão super na moda) e por baixo de blazers ou jaquetas. Além disso, o modelo já foi incorporado até na moda praia, estampando biquínis e maiôs.

Terceira dica: adapte-se à ocasião

Como o strappy bra é uma peça que dá um ar de sensualidade para a mulher, é necessário se adaptar à situação de uso. Para ocasiões tradicionais, que exigem um dress code específico, como entrevistas de emprego ou festas formais, a peça não é indicada. Já para situações de lazer ou do dia a dia, a peça é perfeita!

Quarta dica: preste atenção no seu corpo

Existem diferentes modelos de strappy bra e o ideal para a sua amiga pode não ser o modelo mais bacana para você. Por exemplo, mulheres com seios grandes ficam melhores com peças de alças um pouco mais grossas (que dêem sustentação) e de cores mais escuras (como preto e cinza chumbo). Já para as de seios pequenos, que desejam volume, o ideal é apostar em texturas, estampas e cores vibrantes. No caso de mulheres com ombros largos, é melhor que as tiras estejam em direção ao centro do corpo. Já quem está acima do peso deve evitar tiras na região do abdômen, concentrando os detalhes na região do colo.

Quinta dica: escolha o tamanho certo

Algo essencial para um look que alcance bom resultado é comprar a peça com a numeração correta. Pois caso o strappy bra fique apertado pode marcar as “gordurinhas” entre as tiras. Caso tenha dúvidas entre tamanhos, prove mais de um para ter a certeza de qual é o ideal para você.

strappy bra

Sexta dica: Menos é mais!

O strappy bra deve ser a estrela do look, portanto nada de usar peças que roubem a atenção. Nesse caso menos é mais! Peças muito chamativas ou grandes, como maxi colares ou maxi brincos, podem ficar desproporcionais e poluir o look. Na hora das combinações, foque no sutiã de tirinhas e aposte nos acessórios minimalistas!

Sétima dica: Pense nas roupas que já possui no guarda-roupa

Antes de ir às compras confira o seu closet, para saber com quais peças é possível combinar o strappy bra. Prove vários modelos até encontrar o que mais se adapta ao seu estilo! O ideal é experimentar com as peças que você já possui no armário e criar looks variados com essa inegável peça it do momento!

Oitava dica: Busque inspiração

Várias famosas são adeptas à moda, busque inspiração para looks em redes sociais, principalmente o Instagram. A top Gisele Bündchen (@gisele) já usou a tendência no desfile da São Paulo Fashion Week 2015. A cantora Manu Gavassi (@manugavassi) também é adepta da peça e sempre aparece com diferentes combinações!

Nona dica: Customize!

Caso não encontre o strappy bra que procurava você pode comprar um cropped simples (ou ainda um sutiã) e customizá-lo, basta utilizar elásticos da mesma cor da peça e apostar nas habilidades manuais!

Décima dica: Dite moda!

Apesar do strappy bra ficar melhor em determinadas combinações (como com regatas cavadas, citadas acima) não tenha medo de criar seu jeitinho próprio de usá-lo. A palavra da moda é: atitude!

Gostou e já quer garantir o seu strappy bra? No nosso Instagram (@ritualmoda) você encontra vários modelinhos!

8 Dicas de como usar um chapéu adequadamente

8 Dicas de como usar um chapéu adequadamente

O chapéu já voltou às cabeças das mulheres há alguns anos. Eles são uma tendência que vai e volta e você não pode ficar de fora dela. Por isso, vamos dar algumas dicas para você usar um chapéu de forma adequada e moderna; sem erros!

Estilo da estação

chapéu

Quando você pensa em como usar esse acessório é importante pensar se o modelo combina, ou não com a estação do ano no momento. Feltro e lã, por exemplo, ficam ótimos durante os climas mais frios do outono e do inverno. Os feitos com materiais que lembram a palha combinam mais com os meses quentes do verão.

O feltro e a lã, por exemplo, não só dão o estilo ao visual como podem esquentar a cabeça e protegê-la do vendo, enquanto a palha permite a entrada de ar para refrescar.

Tem que servir

Antes de usá-lo esteja certa de que ele é do seu tamanho. Os chapéus podem vir em diferentes tamanhos e escolher o apropriado pode fazer muita diferença em como ele vai ficar em você. Experimente as peças antes de comprar, ou meça a circunferência de sua cabeça antes de fazer uma compra online.

Se for muito grande, há chances dele voar com o vento. Ele deve ficar seguro, mas sem ser apertado.

Comprimento do cabelo

Um chapéu mais ajustado, com a aba menor, por exemplo, fica melhor com um cabelo mais curto. Já os chapéus mais extravagantes, com abas mais largas, se combinados com fios mais compridos pode criar um visual boho perfeito. É claro que isso não é uma regra e cada pessoa, e estilo diferente, vai vestir de maneira distinta. Quando se trata de usar um chapéu, tudo depende da experimentação.

Estilo de cabelo

Quando você pensa em como vestir esse acessório, você provavelmente pensa também em como arrumar seu cabelo. Geralmente, a maneira mais fácil de usar esse acessório é com os cabelos soltos. Na nossa opinião, essa maneira também fica mais agradável aos olhos. No entanto, se você tiver os cabelos mais compridos, você pode tentar usar com uma trança lateral e mais descabelada para criar um look casual e descontraído.

A caidinha

Fazê-lo parecer perfeito pode depender da maneira de como você deixa ele “caidinho” na sua cabeça. Por exemplo, os chapéus fedoras devem ser usados na altura das sobrancelhas e os com abas únicas, no estilo de bonés, devem ser usados levemente caídos para trás da cabeça. Se ele não parecer bom em você, brinque e experimente em diferentes ângulos.

Escolhendo a cor

Se você tem a intenção de ter apenas um chapéu em seu guarda-roupa, então compre-o em uma cor neutra. O ideal é o preto, que é um clássico. Marrons, cinzas e caramelos também são ótimas cores neutras para sua escolha. Agora, se você for usar mais de um tipo, você pode brincar e explorar diferentes cores.

chapéu

Adicionando detalhes

Alguns chapéus já vem com ornamentos, mas você sempre pode adicionar o seu próprio. Use um chapéu com penas para um toque boêmio, ou alguma pedra brilhante para uma aparência mais eclética. Quanto aos ornamentos, a opinião e as opções são todas suas. Esses acessórios adicionais também podem servir para combinar os chapéus com as outras peças de roupas do look.

Combine

E falando em combinar, para usar uma peça dessas, você precisa estar certa de que ele está combinando com o resto da sua roupa. Na verdade, nós não estamos dizendo que o chapéu precisa combinar EXATAMENTE com o que você está vestindo, mas se tiver alguma conectividade, já vai ser de boa ajuda para a finalização do look completo.

Um fedora de feltro, por exemplo, é um coringa e vai com diversos tipos de estilo. Se você quiser ficar com uma aparência mais anos 70, mais hippie, escolha um chapéu com tons terrosos e abas maiores, e assim sucessivamente…

O segredo na hora de usar um chapéu é experimentar. Se algo não lhe parece apropriado no começo, tente diferentes elementos até que algum dê certo e fique do seu gosto.

2 modelos de biquíni para arrasar nesse verão

2 modelos de biquíni para arrasar nesse verão

A cada novo ano surge uma tendência de moda praia que ganha o coração (e o corpo) das mulheres e começa a estampar as areias do nosso país e do exterior. Neste verão dois modelos de biquíni ganharam destaque nas coleções de beach wear: o de crochê e o 3D.

Biquíni de crochê

A peça de crochê surgiu nos anos 70, ainda com carinha de “feito pela vovó”, e foi reformulada nos anos 90. Como a moda é cíclica, novamente o modelo surge com estilo repaginado, em lindas cores vibrantes e ultramodernas.

O crochê aparece tanto em biquínis inteiros (lisos ou estampados) como em pequenos detalhes (que fazem toda diferença!). O hit do momento é o biquíni kiini, que ganhou força quando Camila Queiroz apareceu no papel de Angel usando a peça na novela “Verdades Secretas”, da rede Globo. O modelo é artesanal, ou seja, totalmente feito à mão, e mistura glamour com o estilo boho, seguindo a tendência boho-chic.

O sucesso foi tanto que a peça invadiu o guarda roupa de outras famosas como o de Vera Viel, mulher do apresentador Rodrigo Faro, que postou recentemente uma foto vestindo a peça em seu Instagram e o da atriz Marina Ruy Barbosa, durante sua temporada de Reveillon no esplêndido arquipélago de Fernando de Noronha, em Pernambuco.

biquíni

Quem tem seios grandes deve optar pelos biquínis que são de malha bordados de crochê em volta, como o modelo usado pela Angel na novela. Ele tem as alças e laterais mais largas, proporcionando maior sustentação aos seios. O mesmo serve para quem tem quadris largos, pois a parte debaixo desse modelo também é mais larga, disfarçando o volume na área do quadril.

Para quem tem quadris estreitos, a dica de especialistas em moda é escolher o modelo totalmente de crochê com amarração nas laterais. A amarração causa um volume maior na região, dando a impressão de que a mulher tem um quadril maior. O caso se repete para seios menores. As peças que são totalmente de crochê são geralmente de cortininha que dão volume aos seios. também é bacana investir em cores vibrantes e estampas, pois dão a impressão de maior volume na região.

Perfeitos para quem deseja adicionar cor e ousadia à produção, os modelos estampados ficam ótimos quando combinados a saídas de praia, e acessórios como bolsas e chapéus em cores neutras, como branco, preto, nude, cinza e dourado. É uma tendência que veio para ficar!

Biquíni 3D

Outro modelo de sucesso na estação mais quente do ano é o 3D, geralmente confeccionado em neoprene. Lançado pela marca australiana Triangl, a peça promete ficar perfeita em qualquer tipo de corpo já que o material se molda facilmente sem marcar as gordurinhas.

Possui formatos geométricos e causam a impressão 3D, por isso o nome. São diferentes dos modelos cortininha (preferido da maioria das brasileiras), porém são lindos. Algumas calcinhas são grandes na parte de trás, mas facilmente é possível encontrar modelos com design menor.

biquíni

Os biquinis 3D apostam em cores fortes e neons, como pink, verde limão, púrpura, roxo, azul turquesa, laranja, entre outras. Com diferentes modelagens (com ou sem amarração, alças removíveis, tomara que caia, em cor única ou em diferentes combinações), prometem agradar aos mais variados gostos e públicos femininos.

O modelo também costuma ter bojo ou enchimento, detalhe que unido às cores vibrantes, valoriza a região dos seios.

O legal da peça é a possibilidade de criar várias combinações e brincar com as cores, tanto com a parte de baixo quanto com o top, ou parte de cima. Além disso, o neoprene além de ser um tecido que não amassa, tem elasticidade e seca rapidinho, o que ajuda (e muito!) nas viagens. Esse fato ajuda na hora de repetir o look ou de levar a peça para casa na hora da volta, pois ninguém gosta de usar ou carregar roupas úmidas na mala.

A mesma regra do biquíni de crochê vale para os modelos 3D: Caso compre peças de cores vibrantes, aposte em acessórios clean (em cores neutras). O body chain (colar cruzado na região do busto) é uma excelente opção para as mais modernas, pois agrega um diferencial à produção de praia!

Nós já escolhemos os nossos queridinhos para arrasar nas viagens desse verão. E você?

Detox: Receitas para entrar em forma

Detox: Receitas para entrar em forma

Os sucos detox são ideais para desintoxicar o corpo após o período de carnaval. Como muitas pessoas viajam nesse período, é normal que se alimentem de forma não habitual, deixando a parte saudável de lado. Abusar das comidas industrializadas e petiscos, e juntar tudo isso com bebida alcoólica, além de engordar costuma deixar aquela sensação ruim no estômago (de “estufamento” ou até mesmo queimação).

E é por isso que muita gente já começa a fazer “regime” logo na quarta feira de cinzas, cortando vários alimentos calóricos. O recomendado por nutricionistas é que antes de iniciar uma dieta, você faça um detox. Assim, logo irá se sentir melhor e pode iniciar o cardápio saudável.

Quem saiu da dieta durante os dias de folia ou mesmo aqueles que só sentem que precisam “limpar” o organismo após a festa podem recorrer aos sucos detox, feitos com frutas e verduras que normalmente possuem alto valor nutricional.

Abaixo, selecionamos seis receitas de sucos ricos em fibras, vitaminas e minerais para te ajudar nesse período pós-carnaval. Juntamente com as receitas especificamos a função de cada detox (anti-inchaço, anti-ressaca, etc).

detox

Suco detox de pera, laranja e gengibre

A combinação de pera e laranja é a mais refrescante, tem fósforo, potássio e fibras solúveis, enquanto o gengibre ajuda a eliminar a celulite.

Ingredientes

1 pêra sem casca e sem sementes
Suco de três laranjas
½ colher de chá de gengibre ralado
1 xícara de gelo

Modo de preparo

Coloque tudo no liquidificador e bata bem.

Suco detox de maçã e salsão

A maçã é rica em pectina, um tipo de fibra que forma um gel no estômago, diminuindo e controlando o apetite. Ela também regula o trânsito intestinal.

Ingredientes

1 maçã sem casca e sementes, cortada em cubos
½ xícara de chá de salsão cortado em cubos
250 ml de água de coco
Suco de um limão
1 xícara de chá de gelo

Modo de preparo

Coloque tudo no liquidificador e bata bem. Sirva em taças decoradas com um talo de salsão.

Suco detox de frutas vermelhas e melão

O suco de frutas vermelhas é rico em antioxidantes, que ajudam a prevenir o envelhecimento precoce. Também é fonte de vitamina C e E, que são essenciais para o bom funcionamento do organismo.

Ingredientes:

1 xícara de chá de acerola
4 xícaras de chá de melancia em cubos, sem sementes
1 xícara de chá de melão em cubos
½ xícara de amoras
1 xícara de chá de gelo

Modo de preparo

Coloque tudo no liquidificador e bata bem. Coe em peneira fina e sirva.

detox

Suco detox de abacaxi, hortelã e linhaça

A receita é rica em vitamina C e é ideal para combater a ressaca. O abacaxi contém vitamina C, que melhora o sistema imunológico e deixa o corpo mais resistente. A hortelã alivia o mal-estar, pois tem função anestésica. A água de coco hidrata e ajuda na eliminação de resíduos. O gengibre é um potente anti-inflamatório que ameniza problemas estomacais como enjoo e náuseas.

Ingredientes:

Duas rodelas de abacaxi
Um copo de água de coco
Cinco folhas de hortelã
Linhaça (opcional)

Modo de preparo
Bata todos os ingredientes e tome em seguida.

Suco detox de melancia, canela e limão

A receita é ideal para combater o inchaço após os excessos alimentares.A alta porcentagem de água presente na melancia, cerca de 90%, estimula os rins a trabalharem melhor e ajuda a prevenir e a combater a retenção de líquidos. O salsão é diurético e melhora o sistema imunológico.

Ingredientes

Uma fatia de melancia (250 gramas)
Três pedras de gelo
Canela e limão
Modo de preparo

Bata no liquidificador e consuma em seguida. Não precisa coar.

Suco detox de banana e aveia

A banana contem sacarose, frutose e glicose, açúcares naturais que combinados com fibra (aveia) dá uma rápida e substancial elevação de energia. Já a tâmara é um alimento altamente energético e nutritivo, rico em fibra e contém uma fonte importante de minerais, especialmente potássio.

Ingredientes

1 banana-prata média
1 colher de sopa rasa de aveia
3 tâmaras sem caroço
300ml de água
3 pedras de gelo

Modo de fazer

Bater todos os ingredientes e salpicar canela.

E então? Escolheu o seu suco preferido? Faço o detox pelo menos por três dias seguidos e varie as receitas, para não enjoar. Intercale os sucos com alimentações leves, que contenham verduras, legumes e frutas. 😀

8 Dicas para andar melhor de salto alto

8 Dicas para andar melhor de salto alto

Todas nós sabemos que andar de salto alto pode ser uma tarefa muito difícil, ainda mais quando não se tem prática. É por isso que separamos algumas dicas para tornar essa tarefa menos penosa e para fazer você andar melhor em saltos maiores de 10 mm.

Faça um teste drive com os saltos antes de estreia-los em um evento especial

Um evento importante, ou um primeiro encontro não são os lugares adequados para usar os saltos altos pela primeira vez. Então quais são? Tente ir ao supermercado! Pegue um carrinho e dê uma volta com os saltos novos. Enquanto você estica os braços para pegar algum item na prateleira, se apoie no carrinho para equilíbrio.

Matricule-se na yoga

Sabemos que nascer com um corpo perfeito na nossa concepção já ajuda muito na hora de desfilar com salto alto, mas a yoga não vai só te ajudar a chegar lá, como vai auxiliar no seu senso de balanço e equilíbrio e manter o equilíbrio pode ser a tarefa mais difícil para as meninas inexperientes em andar nesses sapatos.

salto alto

Sente-se de 20 em 20 minutos

Sempre e onde você puder se sentar, sente-se e cruze as pernas para que todos vejam os seus sapatos modernos e estilosos. Mesmo se você não estiver sentindo muita dor, é importante dar uma pausa e descansar um pouco. O salto exige muita força dos músculos de suas pernas e você pode se sentir exausta a qualquer momento.

Há dicas também para quando você estiver sentada: além de cruzar as pernas, se enxergue como uma modelo em um ensaio fotográfico e estique sua coluna em uma postura correta.

A dica de sentar é útil porque você vai aguentar a noite com salto alto por mais tempo.

Adicione acolchoados ao seu sapato de salto alto

Quando você compra um sapato novo, muitas vezes você vai precisar customizá-lo para se adequar a seus pés. Leve-os para casa, use-os por uma hora e em todo ponto do seu pé que você sentir dor, ou incômodo, esse vai ser o lugar que você vai querer adaptar para não tornar o processo de andar de salto alto muito doloroso.

Os lugares que mais pegam nesses tipos de sapatos são as solas do pé, porque é nela que toda a pressão do seu corpo vai ficar em cima de saltos.

Acolchoados e palmilhas estão disponíveis em lojas de sapatos e sapatarias justamente para isso. Leve seus calçados e teste os tamanhos para ver se eles são apropriados e ajuste os calçados antes da grande estréia dos seus saltos.

Corrija a postura

Andar de salto alto não é uma tarefa fácil, mesmo para as modelos que os usam quase todos os dias. Esteja certa que quando você for andar com os sapatos altos, você endireite a coluna e estende as pernas. Essas ações vão ajudar você a andar de modo mais gracioso e elegante. De outra maneira, você pode parecer muito descoordenada e sem jeito.

salto alto

Gaste as solas dos sapatos de propósito para sua segurança

Uma superfície lisa e escorregadia pode fazer com que seus sapatos de salto cause um desastre. Prepare as solas com um corte discreto que pode auxiliar na hora de fixar os calçados ao chão. Isso vai criar uma tração em qualquer tipo de solo, seja carpete, cimento, ou azulejo.

O material que você pode usar para fazer esse desgaste pode ser uma lixa comum.

Concentre-se em seu núcleo

Saber qual é o centro do seu equilíbrio também pode ser um facilitador na hora de andar de salto alto. Tem encontrá-lo dando um passo com os sapatos de olhos fechados. Enquanto você vai dando passos, vá abrindo os olhos devagar e sentindo como você lida com o equilíbrio. Com bastante treino e prática, você vai estar segurando sua coluna automaticamente.

Seja confiante

Não há nada que substitua a sua confiança na hora de andar com sapatos arrasadores. Nem sua roupa, nem seus calçados luxuosos vão fazer com que você fique mais bonita que isso. Independente do que você usar, o importante é você se sentir bem consigo mesma e fazer tudo funcionar.

Pense assim: imagine que você é uma modelo e está andando na passarela na frente de muita gente famosa. Você vai exalar segurança!

× Como podemos te ajudar?
Pular para a barra de ferramentas